MONITORAMENTO DA DEMANDA BIOQUÍMICA DE OXIGÊNO (DBO) NUM FILTRO LENTO

ARISTON SILVA MELO JÚNIOR, Patricia Cacho Nascimento, Maria Daguimar Viana Paiva, Viniccius Kayque Soares de Faria, Murillo Padilha Costa, Wilson Almeida Fratel

Resumo


Devido à preocupação atual com a preservação das fontes de água potável para as futuras gerações, cada vez mais tem sido importante o estudo de novos processos e tecnologias para tratamento do esgoto gerado pela sociedade. Com forma de garantir a preservação do modo de vida da sociedade moderna. A área de estudos de sistemas alternativos de tratamento de esgoto doméstico vem sendo pesquisados em centros de pesquisas no Brasil e no mundo. Uma das tecnologias emergentes a que vem agregar valor para o estudo e tratamento residual é o sistema de filtração lenta. É um sistema de câmaras compartimentadas com material granular constituído de areia e pedregulho. Esse trabalho monitorou um sistema piloto de filtro lento desenvolvido no campus da UNICAMP. O sistema possui dois filtros com camadas de material suporte em que num existe ainda uma camada adicional de carvão ativado. O estudo durou nove semanas com coletas semanais para analise da concentração da demanda bioquímica de oxigênio proveniente do esgoto do local. Os estudos mostraram que o sistema teve uma eficiência de até 70% para remoção da demanda bioquímica de oxigênio para o filtro com camada adicional de carvão ativado, enquanto o filtro convencional teve um desempenho na faixa de 60%.


Palavras-chave


Filtro de areia, esgoto doméstico, contaminação, poluição hídrica.

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO NETTO, J.M. & HESPANHOL, I. Técnicas de Abastecimento e Tratamento de Água. Cap. 23: Filtração Lenta, São Paulo: CETESB, 20 ed., vol 2, p.869-882., 1979.

DI BERNARDO , L. Filtração lenta e pré-filtração de águas de abastecimento. Apostila, Escola de Engenharia de São Carlos - USP,1989.

DI BERNARDO , L. Métodos e técnicas de tratamento de água. Vol. 2 Rio de Janeiro: ABES, 1993.

FARIAS, N. J. V. Desempenho de filtros, com diferentes períodos de amadurecimento, precedidos de pré-filtração em pedregulho no tratamento de águas contendo células tóxicas de Microcystis aeruginosa. Dissertação de Mestado. UNB. 2011.

FERRAZ, F.C., PATERNIANI, J.E.S., Redução da Espessura da Camada Suporte através da Substituição por Mantas Sintéticas Não Tecidas na Filtração Lenta de Água de Abastecimento Revista Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES, Vol 7, nº 6 e 7, pg 8 – 15, Jan/Jun 2002.

HESPANHOL, I. Filtração lenta. In: Técnicas de abastecimento e tratamento de água, vol. 2. 3a ed. São Paulo, CETESB, 1987.

HUISMAN, L & WOOD, W.E. Slow sand filtration. Geneva, World Health Organization, 1974.

KNOTT J. E. Palestras sobre Horticultura. Edição da Reitoria da Universidade de São Paulo, pp. 1 — 213. 1951.

MABWETTE, T.S.A. & GRAHAM, N.J.D. Improving the efficiency of slow sand filtration and separation wilth non-woven synthetic fabrics. In: Filtration and separation, vol. 24.1987.

MELO JÚNIOR, A. S. Dinâmica da remoção de nutrientes em alagados construídos com Typha sp. Dissertação de Mestrado. UNICAMP. 2003.

MARRARA, D. A. F. Filtração lenta em areia, manta não tecida e carvão ativado como pós-tratamento de efluentes domésticos e reuso. Dissertação. UNICAMP. 2005.

NTS 003 – DBO: Demanda Bioquímica de Oxigênio, Método de Ensaio. Norma Técnica Interna SABESP, 1997.

Organização das Nações Unidas (ONU). Relatório das Nações Unidas sobre

Desenvolvimento dos Recursos Hídricos, 2012.

OLIVEIRA, E. C. A. Avaliação da Remoção de matéria Orgânica na Estação de Tratamento de Esgotos de Ponta Negra/RN. Dissertação. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 2005.

PATERNIANI, J.E.S. Utilização de mantas sintéticas não tecidas na filtração lenta em areia de águas de abastecimento. Tese de doutoramento, EESC - USP, 1991.

PORTO, R. M. Hidráulica Básica, 2 edição, EESC – USP, 1999.

SABESP. Investigação do esgoto clandestino na zona norte de São Paulo. 2010.

SAWYER, C. N.; McCARTY, P. L.; PARKIN, G. F. Chemistry for environmental engineering. 4th ed. New York: McGraw-Hill Book Company, 1994.

TATE, C.H. et al. Health and aesthetic of water quality. In: Water quality treatment, 4th ed., AWWA, McGraw-Hill Book Co. 1990.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




INOVAE  -  ISSN 2357-7797