SUSTENTABILIDADE DOS AGRICULTORES FAMILIARES DA ASSOCIAÇÃO DOS PEQUENOS PRODUTORES DA REGIÃO DO ALTO SANT’ANA DE SÃO JOSÉ DOS QUATRO MARCOS, MATO GROSSO

Junior Miranda Scheuer, Sandra Mara Alves da Silva Neves, Edinéia Aparecida dos Santos Galvanin, Ronaldo José Neves

Resumo


Objetivou-se nesta pesquisa avaliar o nível de sustentabilidade da agricultura familiar dos agricultores participantes da Associação dos Pequenos Produtores da Região do Alto Sant’Ana no município de São José dos Quatro Marcos, Mato Grosso. O procedimento metodológico utilizado foi a entrevista semiestruturada contemplando os aspectos ambiental, capital social e humano, econômico e social, organização familiar e político-institucional. Para tanto, desenvolveu-se o Índice de Sustentabilidade Agrícola Familiar com o fito de avaliar a sustentabilidade. Os resultados obtidos por meio dos índices/indicadores apontaram para uma sustentabilidade comprometida devido, principalmente, a carência de assistência técnica, transferência de tecnologias, formação escolar, capacitação rural, etc., embora apresentaram variáveis que potencializaram a sustentabilidade. Desta forma, concluiu-se que o resultado não é oriundo somente da ruralidade, mas sim de quem a financia, monetariamente ou politicamente, cabendo às esferas governamentais repensarem seus planejamentos e contemplar ações que visam o desenvolvimento rural sustentável.


Palavras-chave


Rural, Desenvolvimento Sustentável, Índices e Indicadores, Agroecologia, Políticas Públicas.

Texto completo:

PDF HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Metropolitana de Sustentabilidade - ISSN  2318-3233


 

 Impact Factor 1,362 - year 2015

  

 Quality Factor 2,000 - year 2015