DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO PARA ENSINO E TREINAMENTO DE PALPAÇÃO RETAL EM EQUINOS

Marcela Cardoso Soares Azevedo, Adriana Fernandes de Souza Garcia, Gesiane Ribeiro

Resumo


A utilização de animais para fins científicos configura práticas históricas na civilização humana, mas gera polêmicas em sociedades preocupadas com a proteção dos animais. Porém, faz-se necessário o desenvolvimento de métodos de ensino que os substituam, de forma a oferecer uma experiência próxima à realidade, capacitando os futuros profissionais a desempenhar os procedimentos de forma correta. O objetivo do trabalho foi desenvolver um manequim abdominal de equino, que possa substituir a utilização de animais no aprendizado da técnica de palpação retal, visando a qualidade do ensino na medicina veterinária e ao mesmo tempo o bem-estar dos animais, que poderão ser poupados de um procedimento invasivo e estressante. Para a realização do manequim, foram utilizados materiais de baixo custo, fácil manuseio e que pudessem simular um treinamento próximo à realidade. Os segmentos intestinais confeccionados em tecido foram dispostos em um tambor, que mimetizou a circunferência abdominal do equino, possibilitando tanto o aprendizado por meio da palpação às cegas e quanto da observação direta do posicionamento dos órgãos através de uma abertura lateral no tambor. O modelo desenvolvido atendeu às expectativas, principalmente com relação ao posicionamento e consistência percebidos durante a palpação às cegas, trazendo ao aluno uma percepção detalhada e permitindo o treinamento repetitivo da técnica.


Palavras-chave


bem-estar; cavalos; metodologia; simulação.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, G.E.S. Exame transretal: importância, realidade do ensino, riscos, necessidade, viabilidade e estágios de competência. Anais do II Simposio Alogoano de Medicina Equina. Maceió, Alagoas, p. 95, 12 e 13 de abril de 2012.

ALVES, G.E.S.; BOTTEON, P.T.; OLIVEIRA, H.P.; CASSOU, F. Exame transretal do equino com cólica. Cadernos técnicos de Veterinária e Zootecnia. v.58, p.47-55. FEPMVZ, 2008.

CARRARO, T.B.; LANG, A.; COSTA, C.M.; TASSARA, R.M.; OLIVEIRA, T. Laparotomia no Tratamento de Cólica por Aderência Após Laceração Retal – Relato de Caso. In: VI SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE, 6, 2014, Viçosa. Anais 6. Viçosa: FACISA, Outubro, 2014.

DYCE, K.M. SACK, M.O. WENSING, C.J.G. Tratado de anatomia veterinária. Rio de Janeiro. Elsevier, 2004.

FEITOSA, F.L. F. Semiologia veterinária – A arte o diagnóstico. 3 ed. São Paulo: Roca, 2014.

JUKES, N.; MARTINSEN, S. Ethical and effective acquisition of knowledge and skills in veterinary education and training. AATEX: Alternatives to Animal Testing and Experimentation, v.12, n.1, p.7-24, 2006.

LEME, D.P.; SILVA, E.L.; VIEIRA, M.C.; BUSS, L.P. Manual de boas práticas de manejo em equideocultura.Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, 2017.

MOLANO, R.F.S. Utilização de animais no ensino e na pesquisa. Cadernos Técnicos da Escola de Veterinária da UFMG - Bem-estar animal.N. 63. Cap. 2. FEPMVZ, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Marcela Cardoso Soares Azevedo, Adriana Fernandes de Souza Garcia, Gesiane Ribeiro

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 

Indexadores: Sumários.org | Diadorim | REDIB | LATINDEX